Beber o mundo

 

Transforma-te em emoção

Bebe o mundo devagar

Procura um outro lugar

Depois da transformação

 

Aplica-te sem presunção

Na arte de apreciar

Sem ter pressa de mudar

Aprende a desconstrucção

 

Em emoção transformado

Com o mundo desconstruído

Inicia um novo mundo

 

Onde não seja rejeitado

E onde faça algum sentido

Esse sentir mais profundo.

publicado por poetazarolho às 22:25 | link do post | comentar