A profecia

 

Para este mundo tentar salvar

Todas as palavras foram ditas

Só falta por actos concretizar

Aquelas intenções tão bonitas

 

Ajuda-o e o mundo te ajudará

O oposto terás se o maltratares

A sua fúria contra ti se voltará

E desgraças verás aos milhares

 

Não penses que é uma profecia

Pois são forças brutas de certeza

Não precisam provar supremacia

 

Já que são brutas e têm destreza

Tão pouco respeitam a diplomacia

Para te ajudares ajuda a natureza.

publicado por poetazarolho às 22:17 | link do post | comentar