O seu reino

 

Rei das coisas pequenas

Raio de sol é seu reinado

Que ilumina as açucenas

Com que está ornamentado

 

Canto dos rouxinóis ecoa

No seu palácio de colmo

A decoração não destoa

Tapete de luz é um assombro

 

Tem arco-íris como portal

Dão boas-vindas as estrelas

Oferecem-te esta inscrição

 

Bem-vindo se não vem por mal

É seu o reino das coisas belas

Rainha é a contemplação.

publicado por poetazarolho às 21:59 | link do post | comentar