Guardador de luas

 

Ser guardador de luas

Foi sonho meu um dia

Mas sonho fez das suas

E muita lua não queria

 

O sonho ficou distante

A lua cheia prometida

Fez-se quarto minguante

Mas como prova de vida

 

Renasceu como lua nova

Fez-se quarto crescente

Foi lua sem se enganar

 

Lua que o ciclo renova

E interfere com a gente

Mas não se deixa guardar.

publicado por poetazarolho às 21:49 | link do post | comentar