Nascer

 

Desistir sem ter lutado

Aonde nos pode levar

Morrer sem ter nascido

Alguma vez ouviste falar?

 

Fazer caminho sem caminhar

É a mais triste ilusão

É preciso caminhar e errar

E empenhar o coração

 

Nasce p’rá vida nasce p’rá luta

Duma humanidade inteira

Neste tempo de modernidade

 

Empenha-te nesta disputa

Quando o colapso se abeira

Sem alma restará apenas saudade.

publicado por poetazarolho às 01:31 | link do post | comentar