Efeitos banais

 

São verdades escondidas

Pelo manto das mentiras

Vês aquilo que não viras

O filme é servido em tiras

 

Não conheces o realizador

Mas é um entre os demais

Manipula as cenas banais

Junta-lhe efeitos especiais

 

É formado em psicologia

Recria qualquer ambiente

A verdade surge diferente

 

Ao teu olhar em cada dia

Nunca sabes quem mente

E a mentira surge atraente.

publicado por poetazarolho às 22:32 | link do post | comentar