Lava mais branco

Lava mais branco.jpg

Lava mais branco Jesus

Minha alma meu pecado

Ao meu coração conduz

O que estiver destinado

 

Não enjeito minha cruz

Quando por Ti ajudado

Só a paixão me seduz

Ao ver-te crucificado

 

O poder dos poderosos

Não se compara ao Teu

Podem até crucificar

 

Com esquemas ardilosos

Quem o perdão concedeu

Não poderão silenciar.

publicado por poetazarolho às 23:01 | link do post | comentar