Matarás

Matarás.jpg

E Deus criou o mundo

Com toda a dedicação

P’ra que o ser no fundo

Encete a sua destruição

 

Em nome Dele matar

Parece ser a profissão

A que mais está a dar

Beneplácito da redenção

 

Disse-nos não matarás

Não terá sido ouvido

Nesta Sua prelecção

 

Devem fazer marcha atrás

Aqueles que sem sentido

Matam em nome da religião.

publicado por poetazarolho às 23:29 | link do post | comentar