Mea culpa

 

https://www.youtube.com/watch?v=S1J6TFHCevg

 

Todos temos a culpa

Ninguém se pode alhear

De pouco serve a desculpa

Depois de vermos matar

 

Deve fazer-se p’la vida

Entregando-lhe dignidade

Mas de forma decidida

E com amor à verdade

 

Transformar o que é imundo

Tem que ser a nossa visão

Mas só sentido bem fundo

 

As chagas de um irmão

Poderemos mudar o mundo

Embora digam que não.

publicado por poetazarolho às 23:14 | link do post | comentar