Névoa

Névoa.jpg

A mente está aberta

E é minha convicção

Plenamente desperta

Para males que virão

 

Mas uma coisa é certa

Não interessa a explicação

Seja psiquiatra ou poeta

Todos na palma da mão

 

Da mentira ou verdade

Numa mente transversal

Que dá a continuidade

 

Seja p’ró bem ou p’ró mal

Ao rasto da humanidade

Coisa suprema e universal.

publicado por poetazarolho às 02:15 | link do post | comentar