Pulsação

Pulsação.jpg

Ao ritmo do coração

Sente a vida pulsar

Não procures solução

Se a não podes encontrar

 

Vagueia na indecisão

Para que possas duvidar

Desse modo de pressão

Que asfixia sem cessar

 

Desliga-te da televisão

Se a não podes desligar

Faz da tua antevisão

 

O teu modo de pensar

Sem que a própria explosão

Te consiga condicionar.

publicado por poetazarolho às 21:33 | link do post | comentar