Ranieri

Ranieri.jpg

Era um não campeão

Com trajecto invejável

Após muito trambolhão

Permanecia intocável

 

Este eterno falhado

A caminho do sucesso

Destino tinha traçado

Não existindo retrocesso

 

A uma equipa desconhecida

Com um historial discreto

Num inferno indescritível

 

Deu-lhe o sopro de vida

E dum irrealizável projecto

Nasceu a raposa invencível.

publicado por poetazarolho às 22:24 | link do post | comentar