Rosa negra

 

Vêm de negro pintados

Os dias sem esperança

Mas serão ultrapassados

E não será por vingança

 

Será porque certamente

Não foi escrita a verdade

E dum amanhã diferente

Se vestirá a realidade

 

O que nos querem impôr

Depressa será passado

Sem história p’ra contar

 

E tudo nos leva a supôr

Que o futuro encontrado

Este presente irá superar.

publicado por poetazarolho às 23:24 | link do post | comentar