Um novo olhar

 

Há outro mundo possível

Em gestação dentro deste

O seu parto será agreste

Mas não será impossível

 

Ganhar ou perder afinal

Não importa nesse mundo

De viver mais profundo

Que neste mundo animal

 

Neste mundo do dinheiro

Que ameaça a humanidade

Furtas pr’a comer é o calvário

 

Se arruinas um país inteiro

Tornas-te numa celebridade

Este é o mundo ao contrário.

 

 

Inspirado em,

http://www.youtube.com/watch?v=mdY64TdriJk

publicado por poetazarolho às 21:46 | link do post