Quinta-feira, 06.08.15

Quando o sol caiu

Quando o sol caiu.jpg

O sol teria caído

Mas fora o Enola Gay

Um estrondo foi ouvido

Depois disso mais não sei

 

Em fino pó transformado

Logo as dores desvaneceram

Almas penadas por tod’o lado

Uns milhares desapareceram

 

Foi o fim da humanidade

Numa cidade arrasada

Não restou casa ou estrada

 

Dizem, foi uma atrocidade

Hoje humanidade é espezinhada

E sua dignidade bombardeada.

publicado por poetazarolho às 15:25 | link do post | comentar | ver comentários (4)
Quarta-feira, 05.08.15

Much more than a revolution

Much more than a revolution.jpg

Have you ever seen

Doesn’t matter what

Have you ever been

More than somewhat

 

Have you ever clean

Body and soul a lot

Have brain doesn’t mean

Having a clear thought

 

Think more than you do

Listen to any good mind

Take yourself a resolution

 

Like you have madness too

And by chance you will find

Much more than a revolution.

publicado por poetazarolho às 22:50 | link do post | comentar | ver comentários (3)
Segunda-feira, 03.08.15

Trevas

Trevas.jpg

Todos seremos poucos

A remar contra a maré

Pois meia dúzia de loucos

Consegue pôr-se de pé

 

Ocupando a linha da frente

Com a suprema verdade

Asfixiando tão somente

O resto da humanidade

 

A outra parte sucumbiu

Triturada por artimanhas

Que não lembram a satã

 

A luz mais ninguém viu

Trevas nas suas entranhas

Roubaram-nos o amanhã.

publicado por poetazarolho às 00:24 | link do post | comentar | ver comentários (2)

mais sobre mim

links

posts recentes

últ. comentários

Posts mais comentados

arquivos

pesquisar neste blog

 

subscrever feeds

blogs SAPO