Infinito

 

Se alcançares o infinito

Teu potencial concretizado

Numa escultura em granito

Ou pequeno gesto isolado

 

Usa o tempo interminável

Para o objectivo alcançar

Na procura sê incansável

Sem pressas de lá chegar

 

Sei que é longa caminhada

Mas as recompensas virão

Que o infinito é inesgotável

 

Com o tempo de mão dada

Nunca duvides da tua razão

Será o infinito alcançável?

publicado por poetazarolho às 20:03 | link do post | comentar