Caminho da eternidade

 

Ao viver a eternidade

Com a eterna saudade

Conserva a felicidade

Tal qual na mocidade

 

Expande os horizontes

Muito além do banal

Bebe a água das fontes

Alimenta o espiritual

 

Que será tua passagem

Para a vivência eterna

Onde os justos repousam

 

Desfruta toda a viagem

Numa harmonia interna

Que só os deuses ousam.

publicado por poetazarolho às 23:07 | link do post