A verdade da mentira

A verdade da mentira.jpg

Só não sou radical

Pra não perder-me de vista

Só não vai tudo mal

Porque comprei a revista

 

Destino não é fatal

Por muito que insista

E quando leio o jornal

Notícia já fôra prevista

 

Espécie de publicidade

Da sociedade anunciada

Pelos média empoderados

 

Quais reis da veracidade

Aos quais não escapa nada

Os quais dormem acordados.

publicado por poetazarolho às 04:50 | link do post | comentar