Brilho na escuridão

Brilho na escuridão.jpg

Por vielas de negridão

Brilharás intensamente

Onde grassa a devassidão

Suspensa na alma da gente

 

Por becos de servidão

Da humanidade dormente

Pensam não ser o que são

Não sentem o que se sente

 

Em estado de negação

Segue a mentira na frente

P’ra encontrar solução

 

Há que pensar diferente

Pensando com o coração

P’ró sentir chegar à mente.

publicado por poetazarolho às 14:47 | link do post | comentar