Carmo, o grande

 

Meu fado é tosco agasalho

Mas também pode aquecer

Fruto de muito trabalho

Sigo a viver e a aprender

 

Esta é a caça ao fadista

Que recebeu prémio maior

Cantor é primeiro da lista

Dá ao mundo o nosso sabor

 

Este Grammy agora servido

Pela jovialidade do seu fado

Ouvido uma e outra vez

 

É um prémio merecido

Que seja mais divulgado

Grandeza do ser português.

publicado por poetazarolho às 16:40 | link do post | comentar