Deprimente

Deprimente.jpg

Eu mudo constantemente

Mas a mente em meu redor

Tornou-se porca e diferente

Não quer mudar p'ra melhor

 

Após negociação insistente

Nunca conseguiria supor

Que eu continuaria na frente

E ela a remoer de rancor

 

Mas que diabo de mente

Logo havia de me calhar

Isto é uma grande chatice

 

O caso está deprimente

Preciso de a modificar

Ou ainda caio na velhice.

publicado por poetazarolho às 00:00 | link do post | comentar