Doutores

 

O saber não é exacto

A sabedoria escasseia

Mas ouvimos cada pato

Desfazer-se em verborreia

 

São os tais especialistas

Sem qualquer especialidade

Jogam ao ar umas pistas

Para despistar, na verdade

 

E com isso vão vivendo

Conquistando a audiência

São doutores da midiatia

 

Que outros mesmo sabendo

Ao duvidar da sapiência

Vão construindo sabedoria.

publicado por poetazarolho às 22:32 | link do post