Eclipse lunar

 

Aniquilados estamos

Em tempos de arrasar

Hipnotizados ficamos

Neste casino a jogar

 

Ao black jack nos vamos

Com o copo a cintilar

Umas dez fichas jogamos

É on the rocks emborcar

 

Sempre em busca do filão

No final já nem notamos

Onde nos querem levar

 

Resistir não é condição

Apenas e só estranhamos

Não ver a luz do luar.

 

publicado por poetazarolho às 13:37 | link do post | comentar