Humilhação

Humilhação.jpg

Somente calar e ouvir

Às injustiças do mundo

Muito mais que há-de vir

Brota do retrato imundo

 

Pelos donos da razão

Pagos a peso de ouro

Contra qualquer cidadão

Pelos donos do tesouro

 

Humanidade não merece

Tamanha humilhação

Mas faz gala em assistir

 

Pois na hora logo esquece

Assim que apaga a televisão

E se deita para dormir.

publicado por poetazarolho às 23:47 | link do post