Momentos eternos

Momentos eternos.jpg

A eternidade é agora

Não esperes mais por ela

Quanto muito vai-te embora

Busca o que tem de bela

 

Quatro amigos improváveis

Funcionam na perfeição

São relações insondáveis

Que partem do coração

 

No bosque não havia mundo

Mas era o caminho eleito

E não noutra direcção

 

Não hesitaram um segundo

Mas tudo sairia perfeito

Sem que houvesse explicação.

publicado por poetazarolho às 23:02 | link do post | comentar