Profeta procura-se

Profeta procura-se.jpg

“Numa caverna obsoleta...”

E sem ar condicionado

Viveu um dia um profeta

Pla profecia ultrapassado

 

E a humanidade inquieta

Fez saber por tod’o lado

Que de profecias repleta

Teria o futuro desejado

 

E novos profetas criou

Nesse futuro prometido

Pra sua inteira satisfação

 

Mas de novo se inquietou

Viu cada profeta engolido

Pla sua enorme ambição.

publicado por poetazarolho às 17:58 | link do post | comentar