Será ?

Será.jpg

Eu existo sem pensar

Quer ele queira ou não

Só para o contrariar

Assim lhe roubo a razão

 

René ficará a indagar

Se existiu ou fez confusão

Pois de tanto se explicar

Extinguiu-se em explicação

 

Ficaremos nós também

Em busca do pensamento

Razão viva do nosso eu

 

Se o pensar é de ninguém

Viveremos cada momento

Como quem nunca viveu.

publicado por poetazarolho às 06:12 | link do post | comentar