Sete saias

Sete saias.jpg

“Dando uma folga à guitarra...”

Trovas de amigo cantando

Soltando a velha amarra

Seguimos sempre marchando

 

Que este povo é um barra

De marchinha se tratando

No Sto António esbarra

Sete virgens vão casando

 

Menina das sete saias

Cada uma, uma virtude

Do sítio da Nazaré

 

Ó São Pedro levantaias

Que o São João te ajude

E nós ficamos ao pé.

publicado por poetazarolho às 23:31 | link do post | comentar