Universal bom ano

Universal bom ano.jpg

Um universal bom ano

Daqui para o universo

E em Roma sê romano

Citei no anterior verso

 

No universo sê humano

Nunca de modo disperso

Em Esparta sê espartano

Não tentes ser o inverso

 

Sê tudo isso e muito mais

Mas sê apenas verdade

Não opaca, transparente

 

Deixa transparecer sinais

Chama acesa sem vaidade

Ilumina e segue em frente.

publicado por poetazarolho às 23:04 | link do post | comentar